Que tal organizar e ainda economizar na festa infantil? Selecionamos algumas ideias que cairão perfeitamente no seu bolso

Em tempos de crise, fica mais complicado gastar com pequenos luxos. Mas isso não significa que você não possa comemorar e organizar o aniversário do seu filho. Conversamos com a decoradora Bia Schwartz, da empresa Duas Marias Atelier de Eventos (RJ), para saber em quais itens você pode e deve economizar.

  • ESTIPULE O ORÇAMENTO. Saber o quanto pode gastar é o primeiro passo. Coloque tudo em uma planilha no computador ou separe um caderno para anotar os custos de todas as coisas.
  • PLANEJE ANTES. Se você guardar uma quantia por mês com antecedência, ficará mais fácil juntar o dinheiro. O ideal é depositar em poupança para que o dinheiro renda.
  • ESCOLHA LOCAIS GRATUITOS PARA A FESTA. Piqueniques no parque estão na moda e fazem o maior sucesso. O jardim da casa da avó também é uma boa pedida. Mas se quiser um local fechado, que tal o salão do condomínio mesmo, que tem preço acessível?
  • REDUZA O NÚMERO DE CONVIDADOS. Ao fazer a festa para os amiguinhos da criança, você não precisa convidar os pais. Corte nomes da lista sem medo.
  • OPTE POR CONTRATAR EMPRESAS CONHECIDAS NO MERCADO. A variação de fornecedores para cada tipo de serviço permite uma negociação de descontos melhor.
  • DECORE COM BOLOS FALSOS. Feitos de biscuit ou forrados com tecidos, eles têm um valor menor e garantem a economia no orçamento. O bolo de corte fica na cozinha e é servido, em pedaços, depois do parabéns. Aproveite e peça para a avó fazer um bolo de chocolate com brigadeiro. Será um sucesso.
  • FIQUE COM OS DOCES TRADICIONAIS. Casadinho, brigadeiro, beijinho, olho de sogra e cajuzinho são mais em conta do que os doces decorados. Potes de vidro podem vir repletos de balas de goma ou confeitos de chocolate.
  • SIRVA LANCHINHOS. Nada de cardápio elaborado e sofisticado como o menu da festa. Há bufês que oferecem opções mais em conta, como minipizza, batata-frita, hambúrguer, pipoca e salgadinhos. Se você ou alguém na família tiver habilidade, pode fazer isso tudo em casa mesmo.
  • LEMBRANCINHAS APENAS PARA AS CRIANÇAS. Folhas de sulfite com o tema da festa e uma caixa de giz de cera, ou então jogos, como dominó, boliche e corda têm baixo custo e fazem o maior sucesso entre os pequenos. Saquinhos de balas e chocolates estão em baixa. Sai caro e as mães não deixam os filhos comerem tudo.
  • EVITE EXAGEROS E DESPERDÍCIOS. Em média, de 15% dos convidados não comparecem e você pode contar com isso. Calcule de 4 a 6 docinhos por pessoa, que é a quantidade ideal para satisfazer. Monte cinco kits de lembrancinha a mais, para o caso de aparecer alguma criança de última hora.

Foto: divulgação

Escrito por

Katia Deutner

Jornalista por formação e apaixonada por este universo de magia e encantos. Já trabalhou em diversas revistas do setor e tem um olhar apurado para o belo.