Aprenda a fazer o drinque Margarita Muito refrescante, o drinque Margarita é à base de tequila, licor de laranja e suco de limão. Isso sem contar a borda de sal no copo

Muito refrescante, o drinque Margarita é à base de tequila, licor de laranja e suco de limão. Isso sem contar a borda de sal no copo

A bebida refrescante conquistou apreciadores em todo o mundo. E não é para menos. Saborosa, a Margarita tem diversas variações. Mas nós vamos ensinar a fazer a clássica, que é fácil de preparar e é perfeita para uma festa, uma recepção ou uma confraternização entre amigos. Quem ensina a receita mexicana é a marca el Jimador. Aproveite!

Leia mais:

Receita: bolo gelado de coco, por Carole Crema

Dois drinques para refrescar no calor

Aprenda a fazer o drinque Margarita Muito refrescante, o drinque Margarita é à base de tequila, licor de laranja e suco de limão. Isso sem contar a borda de sal no copo

Ingredientes:

40 ml de tequila (a marca indica blanco 100% agave)

20 ml de suco de limão

20 ml de licor de laranja

Gelo a gosto

Preparo:

Bata o suco de limão com açúcar a gosto. Acrescente a tequila e o licor de laranja. Vire a taça de cabeça para baixo e molhe a borda em uma vasilha com água. Na sequência, passe a taça em outra vasilha com sal. Acrescente a quantidade que desejar de gelo. Despeje a mistura do drinque e decore com uma fatia de limão na borda.

Aprenda a fazer o drinque Margarita Muito refrescante, o drinque Margarita é à base de tequila, licor de laranja e suco de limão. Isso sem contar a borda de sal no copo

As origens da Margarita

Há muitas histórias que envolvem a invenção do drinque. Uma delas diz que um barman mexicano criou a Margarita em 1934, em homenagem a uma amiga do proprietário do restaurante em que ele trabalhava. Em outra versão, a história é datada de 1936 e reza a lenda que foi Danny Negrete que inventou o drinque para a esposa do irmão. O nome dela? Margarita.

A mais contada por todos que amam o drinque é que ele foi inventado no fim da década de 1940, em Acapulco. Acredita-se que foi em uma das festas oferecidas pela socialite americana Margareth Sanders ou Sammers. Ela queria surpreender seus convidados, entre eles senhor Hilton e atores de Hollywood. A bebida continha tequila, contreau (licor de laranja) e suco de limão.

A história diz ainda que por muitos anos ele ficou conhecido apenas como O Drinque. O nome mudou quando o esposo de Margareth, feliz com o sucesso criado pela mulher, ofereceu outra festa a Margarida, Margareth em espanhol. A partir deste dia, de bar em bar os clientes foram pedindo a bebida refrescante. Hoje, é uma das mais pedidas em todo o mundo.

Fotos: Pixabay e divulgação

Escrito por

Katia Deutner

Jornalista por formação e apaixonada por este universo de magia e encantos. Já trabalhou em diversas revistas do setor e tem um olhar apurado para o belo.